quinta-feira, 20 de outubro de 2016
Para montar o seu cronograma capilar, é preciso fazer um bom diagnóstico dos seus fios e entender, a partir daí, qual é a principal necessidade deles. O cronograma é dividido em quatro semanas, totalizando um mês. Muitas vezes ele pode ser repetido no mês seguinte — tudo isso depende dos progressos que observamos no mês anterior para os seus fios.

 Existe uma tabela comum de cronograma. Ela é recomendada para pessoas que estão começando o tratamento com cronograma capilar. Consiste, basicamente, de 08 hidratações, 03 nutrições e 01 reconstrução. É necessário lembrar que o intervalo de um processo para o outro é de no mínimo 48h.

 http://artmelzinha.blogspot.com.br/2016/10/como-fazer-cronograma-capilar.html

COMO FAZER

Quando damos início à prática do cronograma capilar, é preciso lembrar que o cabelo precisará ser lavado por pelo menos três vezes por semana, ok?

COMO IDENTIFICAR AS NECESSIDADES DO MEU CABELO?

Para diagnosticar os seus fios, você precisa conhecer o aspecto deles e descobrir qual deve ser a prioridade no seu cronograma capilar.

HIDRATAÇÃO

A hidratação, como o próprio nome diz, é responsável por repor a água dos cabelos, fazendo com que ele fique cada vez mais macio. Ela deve ser prioridade quando o aspecto dos fios é de ressecamento, falta de movimento, cabelo pesado, embaraçado e sem brilho. O processo deve ser feito toda semana — dependendo da necessidade que foi observada.

Lembre-se sempre de seguir as instruções da máscara de hidratação escolhida

NUTRIÇÃO

A nutrição é capaz de devolver a oleosidade natural aos fios. Quando percebemos que o cabelo está muito desalinhado, com pouco brilho, aspecto sem vida, volume excessivo e com muito frizz, os óleos são a melhor opção. O resultado pode ser observado em pouco tempo.

O recomendado, nesse caso, é de repetir o processo a cada 15 dias.

RECONSTRUÇÃO

O tratamento de reconstrução é fundamental para repor as proteínas perdidas ao longo do tempo. É recomendado para cabelos porosos, ralos, quebradiços, com quedas excessivas, aspecto danificado, pontas duplas e excesso de frizz mesmo após a realização das outras etapas do cronograma. Com esse processo, conseguimos devolver aos fios a força de que precisam para manter a saúde. 

No início o resultado não consiste de fios macios, mas não se preocupe — as outras fases do cronograma cuidarão dessa questão. Um ponto muito importante: a reconstrução, por usar substâncias mais “fortes”, precisa ser feita após uma hidratação e uma nutrição!

Para o processo de reconstrução, o ideal é ser feito uma vez por mês, mas caso você tenha feito algum tipo de tratamento químico, pode fazer a cada vinte dias. Após a realização do cronograma básico oficial (essa tabelinha que apresentamos acima), você pode criar seu próprio cronograma. Com a tabela oficial, é possível observar em qual das três etapas o cabelo apresentou resultados melhores — esse processo vai auxiliar a diagnosticar quais são as maiores necessidades dos seus fios.

A partir daí, é montado o seu cronograma, respeitando sempre as considerações importantes:

  • » Reconstrução só deve ser feita após uma hidratação e uma umectação.
  •  » Reconstrução não pode ser feita mais de uma vez por mês (no máximo de 20 em 20 dias).
  •  » Nutrição deve ser repetida de 15 em 15 dias.
Tendo essas informações em mãos, você pode criar seu próprio cronograma! Não se esqueça de que, na dúvida, o recomendado é procurar um profissional para auxiliar nesse processo.

http://artmelzinha.blogspot.com.br/2016/10/como-fazer-cronograma-capilar.html

Fonte: 

Um comentário:

Gostou !! comente !! siga e curti meu cantinho eu retribuo carinho!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

youtube


Total de visitantes do blog

Seguidores

Google+ Followers

Perfumes de grife?Monalisa leva até você

Follow by Email

Tecnologia do Blogger.

fan pag


parceria

Mundo Cosméticos

Translate

Pesquisar este blog

Google+ Followers

Arquivo do blog